ann17042-pt — Anúncio

ESOcast 116: OPC 100

7 de Julho de 2017

Para os astrónomos, os telescópios de vanguarda do ESO não servem apenas para coleccionar belas imagens, por mais bonitas que estas possam ser. Estes instrumentos são de facto ferramentas que colectam dados, a partir dos quais se fazem descobertas notáveis. No entanto, não há simplesmente tempo disponível suficiente para que todos possam observar tudo o que lhes apetece. Nesta perspectiva, como é então atribuído tempo de telescópio?

Este episódio do ESOcast mostra como é que os astrónomos pedem tempo para usar um telescópio do ESO e como é que o Comité de Programas de Observação do ESO (sigla do inglês, OPC) — na sua 100ª reunião — examina e avalia estas propostas de modo a assegurar-se de que o ESO faz o melhor uso possível dos seus telescópios, contribuíndo assim para o avanço do nosso conhecimento e compreensão do Universo.

Pode subscrever os ESOcasts no iTunes, receber episódios futuros no YouTube ou seguir-nos no Vimeo.

Encontram-se disponíveis mais episódios do ESOcast.

Descubra como pode ver e contribuir com legendas para o ESOcast em diversas línguas ou traduzir este vídeo no YouTube.

Links

  • Veja e faça o download do ESOcast 116

Contactos

Peter Grimley
ESO Assistant Public Information Officer
Garching bei München, Alemanha
Tel: +49 89 3200 6383
Email: pgrimley@partner.eso.org

Sobre o anúncio

Id:ann17042

Imagens

Cena do ESOcast 116
Cena do ESOcast 116

Vídeos

ESOcast 116: OPC 100
ESOcast 116: OPC 100