O VLT vai à caça de leões

O Very Large Telescope do ESO obteve a imagem de mais um membro do grupo de galáxias Leo I, na constelação do Leão. A galáxia Messier 95 apresenta-se-nos de face, dando-nos a oportunidade de ver a sua estrutura em espiral. Os braços espirais formam um círculo quase perfeito em torno do centro galáctico antes de abrirem, criando uma espécie de juba da qual qualquer leão se poderia orgulhar.

Outra característica, talvez ainda mais impressionante, da Messier 95 é o seu núcleo dourado muito brilhante. É constituído por um anel nuclear com formação estelar muito activa, com cerca de quase 2000 anos-luz de tamanho, onde efetivamente ocorre uma grande parte da formação estelar da galáxia. Este fenómeno acontece essencialmente em galáxias espirais barradas tais como a Messier 95 e a nossa própria casa, a Via Láctea.

No grupo Leo I, a Messier 95 perde a sua proeminência quando comparada com a sua irmã Messier 96 (ver potw1143). Na realidade, a Messier 96 é o elemento mais brilhante do grupo e, como "líder incontornável", dá a Leo I o seu nome alternativo de grupo M 96. Apesar disso, a Messier 95 também é capaz de nos proporcionar uma imagem espectacular.

Créditos:

ESO

Sobre a imagem

Id:potw1212a
Língua:pt
Tipo:Observação
Data de divulgação:19 de Março de 2012 às 10:00
Tamanho:2043 x 2044 px

Sobre o objeto

Nome:Messier 95
Tipo:• Local Universe : Galaxy : Type : Spiral
• X - Galaxies
Distância:35 milhão anos-luz
Constellation:Leo

Formatos de imagens

JPEG grande
2,3 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
270,7 KB
1280x1024
513,6 KB
1600x1200
887,7 KB
1920x1200
1,2 MB
2048x1536
1,7 MB

Coordenadas

Position (RA):10 43 57.80
Position (Dec):11° 42' 13.36"
Field of view:6.80 x 6.81 arcminutes
Orientação:O norte está a 89.9° à esquerda da vertical
Ver no WorldWide Telescope:
View in WorldWide Telescope

Cores e filtros

BandaTelescópio
Óptico
Pseudogreen (V+I)
Very Large Telescope
FORS1
Óptico
V
Very Large Telescope
FORS1
Infravermelho
I
Very Large Telescope
FORS1

Veja também