ann19049-pt-br — Anúncio

Prêmio Nobel de Física de 2019 atribuído a descoberta de exoplaneta em órbita de estrela do tipo solar

8 de Outubro de 2019

O Prêmio Nobel de Física de 2019 foi atribuído a Michel Mayor e Didier Queloz pela descoberta do primeiro exoplaneta em órbita de uma estrela do tipo solar. Mayor, Professor Emérito da Universidade de Genebra, na Suíça, e Queloz, Professor de Física no Laboratório Cavendish em Cambridge, Reino Unido, compartilham o prêmio por “contribuições à nossa compreensão da evolução do Universo e do lugar da Terra no cosmos” com James Peebles, Professor Emérito Albert Einstein de Ciência da Universidade de Princeton, EUA.

O ESO orgulha-se do fato do Prêmio Nobel de Física ter sido atribuído a Michel Mayor e Didier Queloz na sua qualidade de pioneiros de um novo campo da astronomia com a descoberta de 51 Pegasi b e muitos outros exoplanetas depois,” diz o Diretor Geral do ESO Xavier Barcons. “A parceria que o ESO cultiva com as instituições de pesquisa dos seus Estados Membros na difícil tarefa de desenvolver os melhores instrumentos, tem-se revelado crucial em muitas destas descobertas. Em particular, o HARPS, montado no telescópio de 3,6 metros do ESO no Observatório de La Silla, e mais recentemente o ESPRESSO, montado no Very Large Telescope no Paranal, lideram a busca de planetas que orbitam estrelas fora do Sistema Solar, pelo método das velocidades radiais. O ESO comemora que dois membros destacados de sua comunidade científica, com muito comprometimento com o ESO e uso bem-sucedido de nossas instalações, receberam esse merecido reconhecimento.

A descoberta de 51 Pegasi b, o primeiro exoplaneta a ser encontrado em torno de uma estrela do tipo solar, foi anunciada a 6 de outubro de 1995 por Mayor e Queloz, que o detectaram com o auxílio do espectrógrafo ELODIE no Observatoire de Haute-Provence, na França. A descoberta revolucionou a astronomia, dando início a uma área completamente nova, com novos instrumentos focados na busca e caracterização de exoplanetas. O sucesso do ELODIE levou à construção do CORALIE, uma versão melhorada do ELODIE, instalado no Telescópio Euler suíço de 1,2 metro no Observatório de la Silla do ESO, no Chile. Os conhecimentos adquiridos na construção e operação destes dois instrumentos foram utilizados no desenvolvimento do HARPS (High Accuracy Radial velocity Planet Searcher), que começou as suas operações em 2003. A radiação vinda de 51 Pegasi b foi igualmente observada com o HARPS, que realizou a primeira detecção espectroscópica da luz visível refletida por um exoplaneta.

Mayor e Queloz foram fundamentais para o desenvolvimento da revolucionária técnica das velocidades radiais, que ainda hoje é utilizada para procurar exoplanetas. Este método procura pequenos movimentos para trás e para frente da estrela central, devido à mudança da direção da atração gravitacional de um exoplaneta em órbita (não visto). Se a estrela está se movendo em nossa direção, seu espectro é desviado para o azul e deslocado para vermelho quando se afasta de nós. Ao procurar desvios regulares no espectro da estrela — medindo variações na sua velocidade — poderemos ver quaisquer efeitos periódicos devido à influência de um companheiro.

Tanto Mayor como Queloz têm colaborações de longa data com o ESO e têm estado envolvidos nos órgãos de governo e consultivos da organização. São observadores muito experientes, tendo participado em centenas de campanhas de observação no ESO com uma enorme variedade de instrumentos. Em 1996, o ESO comemorou o artigo pioneiro de 1995 de Mayor e Queloz, colocando-o numa cápsula do tempo que está enterrada na parede de uma das cúpulas do VLT. É uma prova do rigor e determinação de seu trabalho, que a descoberta destes cientistas tenha sido reconhecida com um Prêmio Nobel de Física mais de 20 anos depois.

Links

Contatos

Bárbara Ferreira
ESO Public Information Officer
Garching bei München, Alemanha
Tel: +49 89 3200 6670
Email: pio@eso.org

Sobre o anúncio

Id:ann19049

Imagens

Didier Queloz e Michel Mayor em La Silla
Didier Queloz e Michel Mayor em La Silla
Concepção artística do exoplaneta 51 Pegasi b
Concepção artística do exoplaneta 51 Pegasi b

Vídeos

Concepção artística do exoplaneta 51 Pegasi b
Concepção artística do exoplaneta 51 Pegasi b