Anúncio

Planejado para 2027 o início das operações científicas do Extremely Large Telescope do ESO

11 de Junho de 2021

Os trabalhos de construção do Extremely Large Telescope (ELT) do ESO retomaram no Cerro Armazones, no Chile, após uma interrupção devida à pandemia de COVID-19, que que forçou o fechamento do local em meados de 2020. À medida que o trabalho de fabricação e de elementos de design do ELT ia prosseguindo de forma constante na Europa, a evolução deste complexo e ambicioso projeto, que irá revolucionar a astronomia moderna, foi sendo monitorada durante todo o ano passado. Espera-se agora que o ELT do ESO faça as suas primeiras observações científicas em setembro de 2027, cerca de meio ano após a "primeira luz técnica do telescópio".

Nas últimas semanas, o consórcio italiano ACe (Cimolai, Astaldi), encarregado da construção da cúpula e da estrutura principal do telescópio, foi resumindo de forma progressiva as suas atividades no local de construção do ELT, no deserto chileno do Atacama. Com este importante regresso ao trabalho no Chile, é agora possível estimar o primeiro impacto que a pandemia teve no cronograma da construção do ELT. A maior parte do trabalho do projeto em toda a Europa continuou, apesar da situação adversa e mutável de pandemia desde o início de 2020, mas o cronograma de construção do telescópio até agora sofreu um atraso estimado em cerca de um ano e meio.

Quando estiver construído, o ELT será o maior telescópio óptico do mundo, coletando mais luz do que todos os telescópios existentes da classe de 8 a 10 metros no planeta combinados. Com o seu espelho primário de 39 metros e um design único de cinco espelhos, aos quais se junta uma tecnologia de vanguarda pensada para corrigir os efeitos de distorção da atmosfera, o telescópio obterá imagens 15 vezes mais nítidas do que as obtidas com o Telescópio Espacial Hubble. O ELT será usado para fazer avançar as fronteiras científicas de áreas como a descoberta de exoplanetas habitáveis, a formação de galáxias ou o estudo da energia escura e da matéria escura.

As capacidades científicas do ELT do ESO não serão afetadas de modo algum por este novo cronograma de construção e, assim que começar as suas operações científicas, o ELT irá investigar as maiores questões astronômicas da nossa era e fará descobertas que atualmente são inimagináveis.

Quer ver a construção do ELT em tempo real? Veja o progresso da construção através da nossa webcam.

Contatos

Xavier Barcons
Director General
Garching bei München, Alemanha
Email: dg@eso.org

Roberto Tamai
ELT Programme Manager
Garching bei München, Alemanha
Tel: +49 89 3200 6367
Email: rtamai@eso.org

Bárbara Ferreira
ESO Media Manager
Garching bei München, Alemanha
Tel: +49 89 3200 6670
Email: press@eso.org

Sobre o anúncio

Id:ann21008

Imagens

Um olhar deslumbrado para o céu
Um olhar deslumbrado para o céu
Uma cúpula para os céus
Uma cúpula para os céus