Quatro antenas ALMA no planalto do Chajnantor

Quatro das primeiras antenas ALMA no Local de Operações da Rede, a 5000 metros de altitude no planalto do Chajnantor, na Região II do Chile. Três destas antenas — as que apontam na mesma direção — estão sendo testados juntos como parte do processo do Comissionamento e Verificação Científica. No fundo da imagem, podemos ver o plano da Via Láctea, a nossa galáxia, na direção do centro. O centro da Via Láctea é visível como um bojo amarelado cruzado por manchas escuras: enormes nuvens de poeira interestelar situadas no disco da galáxia. Apesar de opacas à luz visível, estas nuvens são transparentes em comprimentos de onda mais longos, tais como à radiação milimétrica e submilimétrica detectada pelo Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA). O ALMA é o maior projeto astronômico existente e é uma parceria verdadeiramente global entre as comunidades científicas do Leste Asiático, Europa e América do Norte, com o Chile. O ESO é o parceiro europeu no ALMA.

Crédito:

ESO/José Francisco Salgado (josefrancisco.org)

Sobre a imagem

Id:alma-jfs-2010-10
Idioma:pt-br
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:14 de Outubro de 2019 às 10:44
Anúncios relacionados:ann19051
Tamanho:4256 x 2832 px

Sobre o objeto

Nome:Atacama Large Millimeter/submillimeter Array
Tipo:Unspecified : Technology : Observatory : Telescope

Formatos de imagens

JPEG grande
2,6 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
286,7 KB
1280x1024
461,2 KB
1600x1200
643,1 KB
1920x1200
749,9 KB
2048x1536
975,1 KB

 

Veja também