A nebulosa planetária IC 4406 observada com o MUSE e a AOF

A junção da AOF com o MUSE proporciona uma maior nitidez e um maior alcance dinâmico quando observamos objetos celestes como nebulosas planetárias. Estas novas observações de IC 4406 revelaram cascas nunca antes vistas, além das já familiares estruturas escuras de poeira na nebulosa, as quais lhe renderam o nome de Nebulosa da Retina.

Esta imagem mostra uma pequena fração dos dados coletados pelo MUSE usando o sistema AOF e demonstra as capacidades aumentadas do novo instrumento MUSE equipado com a AOF.

Crédito:

ESO/J. Richard (CRAL)

Sobre a imagem

Id:eso1724a
Idioma:pt-br
Tipo:Observação
Data de divulgação:2 de Agosto de 2017 às 12:00
Notícias relacionadas:eso1724
Tamanho:836 x 840 px

Sobre o objeto

Nome:IC 4406
Tipo:Milky Way : Nebula : Type : Planetary
Constellation:Lupus

Formatos de imagens

JPEG grande
121,6 KB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
132,6 KB
1280x1024
185,6 KB
1600x1200
241,2 KB
1920x1200
270,3 KB
2048x1536
336,4 KB

Coordenadas

Position (RA):14 22 26.22
Position (Dec):-44° 9' 2.93"
Field of view:1.39 x 1.39 arcminutes
Orientação:O norte está a 44.4° à esquerda da vertical

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Óptico
OIII
500 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
OI
630 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
H-alpha
656 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
NII
658 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
SII
673 nmVery Large Telescope
MUSE

 

Veja também