Metal pesado

Você já pensou como seria o interior do Very Large Telescope do ESO? Nesta foto da semana mostramos justamente a estrutura interna de um dos Telescópios Principais do VLT - mais especificamente o telescópio 3, também conhecido por Melipal.

A imagem mostra a estrutura principal em aço da montagem óptica do telescópio, iluminada pelo luar. O espelho principal, com 8,2 metros de diâmetro e um peso de mais de 23 toneladas, necessita de uma estrutura robusta que lhe permita girar mantendo uma resolução óptica elevada. Esta estrutura móvel em aço pesa mais de 430 toneladas, mais ou menos o mesmo que um avião Boeing 747 completamente carregado!

A estrutura, a parte óptica e a eletrônica encontram-se alojadas num edifício de metal que as protege do ambiente rigoroso do Atacama.

Melipal retira o seu nome da um termo mapuche que significa a constelação do Cruzeiro do Sul. Na realidade todos os telescópios principais do VLT têm nomes mapuches relacionados com objetos astronômicos proeminentes e bem conhecidos: Antu, Kueyen, Melipal e Yepun, ou seja, o Sol, a Lua, o Cruzeiro do Sul e Vênus, respectivamente. O povo mapuche, indígena da região centro sul do Chile, tem uma longa tradição em astronomia.

Esta imagem foi obtida pelo Embaixador Fotográfico do ESO Gianluca Lombardi que, quando não está tirando fotografias das paisagens chilenas, passa os seus dias a trabalhar como astrônomo do ESO em La Silla e no Paranal.

Links:

Crédito:

ESO/G. Lombardi

Sobre a imagem

Id:potw1446a
Idioma:pt-br
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:17 de Novembro de 2014 às 10:00
Tamanho:3456 x 5184 px

Sobre o objeto

Nome:Very Large Telescope
Tipo:Unspecified : Technology : Observatory : Telescope

Formatos de imagens

JPEG grande
6,2 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
353,2 KB
1280x1024
558,5 KB
1600x1200
803,8 KB
1920x1200
974,4 KB
2048x1536
1,3 MB

 

Veja também