Uma combinação estrelada

Esta bela imagem obtida no Observatório do Paranal do ESO mostra os quatro Telescópios Auxiliares do Very Large Telescope (VLT), sob um incrivelmente estrelado plano de fundo, no Cerro Paranal no Chile.

Os Telescópios Auxiliares têm 1,8 metros de diâmetro cada um e trabalham em conjunto com os quatro Telescópios Principais de 8,2 metros de diâmetro, constituindo assim o mais avançado observatório ótico do planeta.

Os telescópios trabalham em uníssono formando o Interferômetro do VLT (VLTI), um interferômetro gigante que permite aos astrônomos ver detalhes 25 vezes mais precisos do que o que seria possível com os Telescópio Principais individuais.

Por cima do local vemos as proeminentes Pequena e Grande Nuvens de Magalhães, visíveis apenas no céu austral. Estas duas galáxias irregulares anãs fazem parte do Grupo Local e são por isso galáxias companheiras da nossa própria galáxia, a Via Láctea.

Esta fotografia foi tirada pelo nosso amigo do Flickr John Colosimo, que a submeteu no grupo Flickr Your ESO Pictures.

Crédito:

Sobre a imagem

Id:potw1511a
Idioma:pt-br
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:16 de Março de 2015 às 10:00
Tamanho:4703 x 2909 px

Sobre o objeto

Nome:Auxiliary Telescopes
Tipo:Unspecified : Technology : Observatory

Formatos de imagens

JPEG grande
6,8 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
453,0 KB
1280x1024
762,9 KB
1600x1200
1,1 MB
1920x1200
1,3 MB
2048x1536
1,8 MB

 

Veja também