O Cruzeiro do Sul cuida do ALMA

Esta fotografia nos mostra algumas das antenas que fazem parte do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA) observando uma panorâmica do centro da Via Láctea. O ALMA é muito mais do que o que vemos aqui. A rede pode estender-se até 16 km e é constituída por 66 antenas individuais!

Algumas das estruturas visíveis no céu incluem o Cruzeiro do Sul, por cima e um pouco à direita da antena mais próxima de nós, e a Nebulosa Carina um pouco mais para a direita.

Os astrônomos usam o ALMA para observar enormes nuvens moleculares onde está ocorrendo formação estelar e galáxias formando-se no limite do Universo observável. As luzes verdes visíveis nos telescópios são uma parte normal das operações, no entanto nesta imagem dão um certo brilho etéreo ao local.

Esta fotografia foi obtida por Petr Horálek, um dos Embaixadores Fotográficos do ESO.

Crédito:

Sobre a imagem

Id:potw1924a
Idioma:pt-br
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:17 de Junho de 2019 às 06:00
Tamanho:15860 x 7536 px

Sobre o objeto

Nome:Atacama Large Millimeter/submillimeter Array
Tipo:Unspecified : Sky Phenomenon : Night Sky : Milky Way
Unspecified : Technology : Observatory

Formatos de imagens

JPEG grande
29,5 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
314,9 KB
1280x1024
520,3 KB
1600x1200
753,0 KB
1920x1200
881,9 KB
2048x1536
1,2 MB

 

Veja também