Erguendo-se das cinzas

Obtida com o instrumento MUSE montado no Very Large Telescope (VLT) do ESO, esta imagem mostra as regiões mais interiores da distante galáxia em espiral NGC 5248, também conhecida por Caldwell 45.

Localizada a cerca de 59 milhões de anos-luz de distância da Terra, na constelação do Boieiro, esta galáxia apresenta não um, mas dois anéis em volta do seu centro. Esses anéis se caracterizam por apresentarem “pontos quentes” de intensa atividade de formação estelar. Estas regiões, que brilham em laranja na imagem, correspondem a sítios onde as estrelas se formam muito mais frequentemente do que o normal.

O MUSE (Multi Unit Spectroscopic Explorer) está montado no Yepun, um dos quatro telescópios de 8,2 metros que compõem o VLT. O MUSE decompõe a luz de cada pixel do seu campo de visão nas suas cores constituintes ou comprimentos de onda, o que permite aos investigadores mapear mecanismos complexos no seio de objetos extensos, conseguindo, por exemplo, analisar a formação de estrelas nas galáxias.

Crédito:

Sobre a imagem

Id:potw2143a
Idioma:pt-br
Tipo:Observação
Data de divulgação:25 de Outubro de 2021 às 06:00
Tamanho:630 x 624 px

Sobre o objeto

Nome:NGC 5248
Tipo:Local Universe : Galaxy : Type : Spiral
Distância:60 milhão anos-luz
Constellation:Bootes

Formatos de imagens

JPEG grande
123,4 KB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
174,6 KB
1280x1024
241,5 KB
1600x1200
297,7 KB
1920x1200
314,1 KB
2048x1536
405,8 KB

Coordenadas

Position (RA):13 37 32.05
Position (Dec):8° 53' 7.49"
Field of view:1.05 x 1.04 arcminutes
Orientação:O norte está a 0.0° à direita da vertical

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Óptico
B
438 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
G
475 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
R
625 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
N II
658 nmVery Large Telescope
MUSE
Óptico
H-alpha
656 nmVery Large Telescope
MUSE