O VISTA observa as profundezas do Cosmos

Esta fotografia mostra uma parte da maior e mais profunda imagem infravermelha, obtida num total efetivo de tempo de exposição de 55 horas. A imagem foi criada combinando mais de 6000 imagens individuais obtidas pelo telescópio de rastreio VISTA, instalado no Observatório do Paranal do ESO, no Chile. Esta fotografia mostra a região do céu conhecida como campo COSMOS, na constelação do Sextante. Foram identificadas na imagem mais de 200 000 galáxias.

Créditos:

ESO/UltraVISTA team. Acknowledgement: TERAPIX/CNRS/INSU/CASU

Bookmark and Share

Sobre a imagem

Id:eso1213a
Língua:pt
Tipo:Observação
Data de divulgação:21 de Março de 2012 às 12:00
Notícias relacionadas:eso1213
Tamanho:17121 x 10824 px

Sobre o objeto

Nome:COSMOS Field
Tipo:• Early Universe : Cosmology : Morphology : Deep Field
• X - Cosmology

Zoom


Papéis de parede

1024x768
479,0 KB
1280x1024
812,5 KB
1600x1200
1,2 MB
1920x1200
1,4 MB
2048x1536
1,9 MB

Cores e filtros

BandaTelescópio
Infravermelho
J
Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy
VIRCAM
Infravermelho
H
Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy
VIRCAM
Infravermelho
Ks
Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy
VIRCAM

Veja também