Bolha espacial gigante brilha a partir do interior

Esta imagem mostra um dos maiores objetos conhecidos no Universo, a Bolha de Lyman-alfa LAB-1. A imagem é a composição de duas imagens diferentes obtidas com o instrumento FORS montado no Very Large Telescope (VLT) — uma imagem maior que mostra as galáxias circundantes e uma observação muito mais profunda da bolha propriamente dita no centro, obtida para detectar a sua polarização. A intensa radiação ultravioleta de Lyman-alfa emitida pela bolha aparece-nos verde após ter sido “esticada” pela expansão do Universo durante a sua longa viagem até à Terra. Estas observações mostram pela primeira vez que a radiação emitida por este objeto é polarizada, o que significa que a bolha gigante deve estar a ser alimentada por galáxias embebidas no seio da nuvem.

Créditos:

ESO/M. Hayes 

Sobre a imagem

Id:eso1130a
Língua:pt
Tipo:Observação
Data de divulgação:17 de Agosto de 2011 às 19:00
Notícias relacionadas:eso1632, eso1130
Tamanho:2042 x 2042 px

Sobre o objeto

Nome:LAB-1
Tipo:Early Universe : Cosmology : Morphology : Large-Scale Structure
Distância:z=3.1 (desvio para o vermelho)
Constellation:Aquarius

Formatos de imagens

JPEG grande
597,4 KB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
170,5 KB
1280x1024
251,1 KB
1600x1200
324,8 KB
1920x1200
347,4 KB
2048x1536
450,1 KB

Coordenadas

Position (RA):22 17 25.78
Position (Dec):0° 12' 39.20"
Field of view:1.60 x 1.60 arcminutes
Orientação:O norte está a 9.9° à direita da vertical

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Óptico
B
Very Large Telescope
FORS2
Óptico
Pseudogreen (B+R)
Very Large Telescope
FORS2
Óptico
OIII
500 nmVery Large Telescope
FORS2
Óptico
V
Very Large Telescope
FORS2

 

Veja também