ann14074-pt — Anúncio

Exposição do ESO “Uma janela para o Universo" reaberta em Antofagasta

8 de Outubro de 2014

No dia 7 de outubro de 2014, depois de vários meses de trabalhos de renovação, Fernando Comerón, o Representante do ESO no Chile, e Paula Baltra, Gestora Principal da Fundação Ruinas de Huanchaca, reabriram a exposição Uma Janela para o Universo. Trata-se de uma das cinco exposições permanentes instaladas no Museu Ruinas de Huanchaca [1], na cidade de Antofagasta, Chile.

O evento desenrolou-se no auditório do museu, onde estiveram presentes diversas autoridades locais e representantes de diferentes comunidades de Antofagasta.

Este espaço, concebido e doado pelo ESO em 2009 como contribuição à Região de Antofagasta, foi atualizado com novos gráficos, imagens e informações referentes aos maiores projetos do ESO, incluindo o Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA) e o European Extremely Large Telescope.

A partir de agora, os visitantes têm à sua disposição 12 enormes painéis, assim como vídeos e ecrãs  interativos que contam a história do Universo. A mostra começa pela origem do cosmos, passando pela criação da matéria, estrelas e planetas e terminando com informação sobre os grandes observatórios astronómicos que podem ser encontrados nesta região do deserto do Atacama, uma janela privilegiada para o Universo.

A exposição contém igualmente um módulo especial sobre poluição luminosa, que permite ao visitante perceber por que é que as estrelas mais ténues e a Via Láctea não são visíveis a partir das grandes cidades.

Este espaço é uma evidência de que a astronomia é uma componente fundamental tanto no presente como no futuro da região. Gostaria de aproveitar esta oportunidade para convidar toda a gente a fazer esta viagem fantástica, através do tempo, até aos primórdios do Universo,” disse Fernando Comerón, depois da cerimónia de inauguração.

Durante a tarde, Fernando Comerón, deu uma palestra pública dirigida à comunidade local, intitulada “Uma Janela para o Universo”, durante a qual o Representante do ESO no Chile apresentou e destacou o conteúdo especial da exposição.

Notas

[1] O museu foi construído numa área nivelada em frente das Ruínas de Huanchaca, os restos de uma fundição de prata que data do ínício do século XIX.

Links

Contactos

Valentina Rodríguez
Observatório Europeu do Sul
Santiago, Chile
Tel: +56 2 2463 3123
Email: eson-chile@eso.org

Sobre o anúncio

Id:ann14074

Imagens

Cerimónia de reabertura da exposição do ESO "Uma janela para o Universo"
Cerimónia de reabertura da exposição do ESO "Uma janela para o Universo"