Primeiros resultados do rastreio KiDS (no visível)

Foram divulgados os primeiros resultados de um novo rastreio importante de matéria escura no céu austral, levado a cabo pelo VLT Survey Telescope do ESO (VST), montado no Observatório do Paranal, no Chile.

O projeto, chamado Kilo-Degree Survey (KiDS), faz uso de imagens do VLT Survey Telescope e da sua enorme câmara, a OmegaCAM, para analisar mais de dois milhões de galáxias. A equipa KiDS estudou a distorção da radiação emitida por estas galáxias, a qual se curva quando passa através de enormes nodos de matéria escura no seu percurso até à Terra. Os resultados obtidos através do efeito de lente gravitacional mostram que estas galáxias contêm cerca de 30 vezes mais matéria escura que matéria visível.

Nesta imagem vemos um grupo de galáxias mapeado pelo KiDS.

Créditos:

Kilo-Degree Survey Collaboration/A. Tudorica & C. Heymans/ESO

Sobre a imagem

Id:eso1528b
Língua:pt
Tipo:Observação
Data de divulgação:9 de Julho de 2015 às 16:00
Notícias relacionadas:eso1528
Tamanho:3818 x 3560 px

Sobre o objeto

Tipo:Early Universe : Cosmology : Phenomenon : Dark Matter
Constellation:Virgo

Formatos de imagens

JPEG grande
5,9 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
337,9 KB
1280x1024
569,4 KB
1600x1200
865,7 KB
1920x1200
1,0 MB
2048x1536
1,4 MB

Coordenadas

Position (RA):11 56 10.25
Position (Dec):0° 20' 49.11"
Field of view:12.73 x 11.87 arcminutes
Orientação:O norte está a 180.0° à esquerda da vertical

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Óptico
u
350 nmVLT Survey Telescope
OmegaCAM
Óptico
g
480 nmVLT Survey Telescope
OmegaCAM
Óptico
r
625 nmVLT Survey Telescope
OmegaCAM
Óptico
i
770 nmVLT Survey Telescope
OmegaCAM

 

Veja também