Imagem artística de uma estrela a sofrer de manchas magnéticas gigantes

Com o auxílio dos telescópios do ESO, os astrónomos descobriram manchas gigantes na superfície de estrelas extremamente quentes escondidas em enxames estelares, chamadas estrelas do ramo horizontal extremo. Esta imagem mostra uma representação artística de uma destas estrelas com a sua mancha esbranquiçada gigante. A mancha é brilhante, estendendo-se até um quarto da superfície da estrela e é causada por campos magnéticos. À medida que a estrela roda, a mancha na sua superfície vai e vem, causando variações visíveis no seu brilho total.

Créditos:

ESO/L. Calçada, INAF-Padua/S. Zaggia

Sobre a imagem

Id:eso2009a
Língua:pt
Tipo:Ilustração
Data de divulgação:1 de Junho de 2020 às 17:00
Notícias relacionadas:eso2009
Tamanho:5000 x 3000 px

Sobre o objeto

Tipo:Unspecified : Star : Grouping : Cluster

Formatos de imagens

JPEG grande
1,7 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
105,2 KB
1280x1024
164,3 KB
1600x1200
221,4 KB
1920x1200
237,5 KB
2048x1536
355,6 KB

 

Veja também