Fotografando o mensageiro

Quando a noite cai, os candeeiros da rua iluminam suavemente as curvas e os ângulos do Planetário & Centro de Visitantes Supernova do ESO. Os topos das árvores apresentam-se em silhueta contra o fundo vermelho do céu, que se estende no horizonte, enquanto luzes artificiais lançam manchas de luz e esculpem cantos sombrios, criando um cenário misterioso na Sede do ESO, em Garching, na Alemanha.

A linha diagonal de pontos brilhantes que vemos no céu mostra o planeta Mercúrio, assim chamado devido ao deus mensageiro romano. O seu percurso foi capturado com várias exposições: foram obtidas cerca de 60 imagens durante uma hora. Mercúrio é normalmente um planeta difícil de observar, normalmente devido à sua proximidade ao Sol, cujo brilho o ofusca facilmente. Observá-lo a partir de uma cidade é ainda mais difícil devido à poluição luminosa.

No entanto e nesta ocasião, vários factores contribuíram para que o Embaixador Fotográfico do ESO, Petr Horálek, conseguisse capturar estas imagens: a noite estava particularmente clara; faltavam apenas duas noites para Mercúrio atingir a sua maior elongação a Este, ou seja, a maior distância angular ao Sol relativamente à Terra; e o planeta apareceu alto no céu logo após o pôr do Sol.

Outra maneira de ver o planeta mais próximo do Sol é na altura em que este transita, o que acontecerá no dia 11 de Novembro de 2019. Trata-se de um evento raro, sendo que o próximo trânsito voltará a ocorrer apenas em 2032!

Créditos:

Sobre a imagem

Id:potw1913a
Língua:pt
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:1 de Abril de 2019 às 06:00
Tamanho:4823 x 2999 px

Sobre o objeto

Nome:Mercury
Tipo:Solar System : Planet

Formatos de imagens

JPEG grande
2,6 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
227,7 KB
1280x1024
343,4 KB
1600x1200
484,2 KB
1920x1200
597,1 KB
2048x1536
737,3 KB

 

Veja também